SINDICATO DOS AUDITORES FISCAIS DA RECEITA ESTADUAL DO RIO DE JANEIRO

ÁREA RESTRITA

|

Trampolim

O deputado estadual mais votado do Rio, Wagner Montes, não vai esquentar lugar no PSD, seu novo partido.
De lá, o moço vai pular para o PRB do senador Marcelo Crivella - onde, aliás, já está seu filho, o pré-candidato a vereador também batizado de Wagner Montes.
A razão para existir um intermediário é jurídica. Ao sair para um partido recém-fundado, Wagner fecha a possibilidade de o PDT pedir seu mandato de volta.

Estrategistas
A manobra foi discutida entre representantes da Igreja Universal do Reino de Deus - dona da Rede Record, onde Wagner é apresentador e uma estrela - e o fundador do PSD, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab.

O mais esperto
E com o troca-troca, o agora ex-pedetista aborta uma silenciosa rasteira que vinha sendo gestada nos bastidores da Assembleia Legislativa.
O presidente Paulo Melo (PMDB) e o líder do Governo, André Corrêa (PSD), se preparavam para tirar Wagner da primeira-secretaria.
Iam argumentar que a vaga passou a pertencer ao PSD, atualmente o maior partido da Casa.
Mas, como Wagner foi para o PSD, não só mantém a cadeira - e a caneta -, como ainda se credencia a disputar a presidência contra Meio, no ano que vem.

 

26/10/2011 – COLUNA BERENICE SEARA
 

Fontes de Notícias :