SINDICATO DOS AUDITORES FISCAIS DA RECEITA ESTADUAL DO RIO DE JANEIRO

ÁREA RESTRITA

|

Greve na PB: Não há acordo com o governo e greve do fisco completa 19 dias

Acerca de notícia veiculada nesse sábado (22/10), no Correio da Paraíba, intitulada Acordo com o Governo – Fisco vai liberar mercadorias represadas, a qual cita como fonte a Secretaria de Comunicação do Governo Ricardo Coutinho, o Sindifisco-PB esclarece que a matéria é inverídica, tendenciosa, e objetiva apenas desestruturar o vitorioso movimento grevista do Fisco, uma vez que não houve qualquer acordo. O que houve foi reunião preliminar de abertura de diálogo com o Secretário Interino de Estado da Receita, Luzemar Martins, ocorrida na tarde dessa sexta-feira (21).

Nessa reunião, Luzemar Martins, após ouvir as reivindicações do Sindifisco-PB, comprometeu-se a analisá-las e levá-las ao conhecimento do Governador Ricardo Coutinho, bem como manter contato com a diretoria do Sindicato ao longo desta semana.

Vale ressaltar, ainda, que a categoria fiscal cumpre com sua missão para com o Estado, atendendo sempre com presteza à sociedade. Tanto assim, que mesmo diante da intransigência do Governo e da adesão dos auditores fiscais ao movimento paredista, não deixou de se fazer presente nos locais de trabalho, sobretudo liberando cargas urgentes, perecíveis ou de relevante valor social, a exemplo das peças do acelerador linear do Hospital Laureano, em João Pessoa, que teve prioridade entre as mercadorias a serem despachadas pelo contingente de fiscais em atividade.

25/10/2011

 

Fontes de Notícias :