SINDICATO DOS AUDITORES FISCAIS DA RECEITA ESTADUAL DO RIO DE JANEIRO

ÁREA RESTRITA

|

Impeachment de Witzel pode consolidar jurisprudência para governadores

O imbroglio jurídico que embarreirou a tramitação do impeachment do governador Wilson Witzel (PSC) pode prestar um favor ao futuro.

E não só ao Rio de Janeiro.

Fará o Supremo Tribunal Federal (STF) esclarecer, de uma vez por todas, qual é o passo a passo legalmente correto no praticamente inédito processo para o afastamento de um governador de estado.

Para Witzel, era agora ou nunca — já que, se o cronograma original fosse mantido, ele já poderia estar fora do posto mais alto do Palácio Guanabara dentro de duas semanas.

Mas, para a Assembleia Legislativa — em que pese a frustração de ver o processo de novo interrompido — também não foi exatamente ruim a liminar ter sido concedida neste momento.

A legalidade do rito poderia ser questionada apenas no fim do processo — e já imaginou se só então a defesa do governador ganhasse na Justiça?

Os deputados teriam que começar tudo outra vez.

E do zero.

EXTRA – COLUNA BERENICE SEARA

Fontes de Notícias :